quarta-feira, 23 de setembro de 2009

190709

-Eu vou pra outra cidade mês que vem, decidi te dizer com antecedência pra não parecer clichê demais aquilo de última hora...

-Às vezes a gente tem que arriscar, certo?

-É, eu arrisquei te dar tempo pra arriscar.

sábado, 12 de setembro de 2009

Loving You

Já descansei tempo suficiente.

Saudade das tuas meias palavras, das palavras contadas, as palavras boas.

Sei que tem receio dessa minha bipolaridade, mas eu também tenho medo dessa suas tripla personalidade.

Eu fico sem jeito, mas quando olho em seus olhos, sei que não quer me causar nenhum dano.

É tão simples, é apenas o modo como você me manipula com seu charme.

E apesar dessa nossa mudança radical de lados, não há nada de errado em eu ainda amar você.

Eu nunca desisti de coisas boas.

No passado você agiria como se não ligasse, agora eu não sei mais, faz um tempo que a gente já não age, então fica difícil lembrar ou projetar ações na minha mente distante.

Estou vivendo em um tempo verbal desconhecido.

Se parecer que estou confusa, por favor, entenda, eu só preciso de um tempo pra me acostumar com você.

Acredito que nós dois tivemos a chance de acertar isso, e se o seu coração está nisso, eu tô dentro.

Mesmo depois do tempo que passou eu ainda amo você.